: Tô Conversando...: Neve e Castelos, Castelos de Neve.
Bem Vindo Amigo!

| Suscríbete vía RSS

terça-feira, 9 de setembro de 2008

Neve e Castelos, Castelos de Neve.

No dia anterior ainda havíamos visitado o Castelo Linderhof que era um dos locais que Ludwig II gostava de passear.

Agora sim, na manhã seguinte partimos para Garmisch-Partenkirchen onde iríamos visitar o Zugspitze, aqui cabe um pequenino parêntese para orientar o leitor (com 2964 metros de altitude a montanha faz fronteira com a Áustria).

No caminho paramos no mosteiro beneditino de Ettal, no dia anterior simplesmente havia sido impossível parar o carro, quanto mais entrar no local.

Chegamos cedo e ninguém ainda havia chegado, tivemos o mosteiro todinho para podermos caminhar, fotografar e contemplar.

Aquele ainda era só o inicio do dia, programamos no GPS Garmisch-Partenkirchen e quanto mais próximo chegávamos mais próximo estava a neve. Quando saímos do hotel pela manhã já havíamos nos preparado para o frio levando roupas extras.

Para se chegar ao topo um “trenzinho” nos leva até lá, mas, a paisagem que nos acompanha durante todo o percurso é maravilhosa e eu tive a oportunidade de conhecer este caminho com neve desde a base e sem, para resumir, maravilhoso.

Lá em cima muita neve e a temperatura girava em torno de 5 ou 6 graus, infelizmente haviam muitas nuvens e a visibilidade não era tão ampla.

Nós aqui no Brasil estamos acostumados com praia e muito sol e por isso não temos a dimensão do que é ficar caminhando na neve.

Quando retornamos a base já estava na hora do almoço e aproveitamos, para depois seguir viagem.

Nossa próxima parada seria o Schloss Neuschwanstein (castelo ou palácio Neuschwanstein, "novo cisne de pedra") o pessoal costuma dizer que Walt Disney aproveito este castelo colocou mais uma torre e transformou no castelo da Cinderela.

Chegamos ao final da tarde e resolvemos procurar um lugar para ficar e deixar a visita para a manhã seguinte. Com final de semana, feriado e final de férias não foi fácil encontrar um local.

Encontramos uma pensão muito familiar e houve duas surpresas, a primeira foi a ducha no quarto, isto mesmo, somente ducha no quarto e o interessante é que esta ficava embaixo de uma escada e tínhamos que tomar cuidado para não bater a cabeça. A outra surpresa foi quando abrimos a porta da varanda do quarto, podíamos ver os dois castelos ao entardecer.

Dois castelos? Como assim? Não era um só?

Isso mesmo! Dois.

Explico no próximo post...

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

BlogPlay

Share your links easily.